Obesidade: hipertrofia x hiperplasia

Obesidade: hipertrofia x hiperplasia

A hiperplasia é o aumento do número de células enquanto que a hipertrofia é o aumento no tamanho das células.

A hiperplasia acontece durante infância, adolescência e na gravidez quando há aumento excessivo de peso. No caso de perda brusca de peso, as células adiposas tendem a diminuir, mas não desaparecem, por isso todo cuidado durante estas fases é pouco, descuidos podem acarretar na tendência a obesidade.

Não permitir que uma criança cresça obesa seria a atitude mais sensata, crescer com um grande número de células de gordura é favorecer muito essa condição.

Exercício aeróbico ou musculação: qual é o melhor para emagrecer?

Na obesidade o crescimento do adipócito é consequência da hiperplasia e/ou da hipertrofia.

Portanto, seria mais difícil emagrecer na obesidade hipercelular do que na obesidade hipertrófica, mas não se pode minimizar que a hipertrofia, mesmo que num número reduzido de adipócitos, também pode promover a obesidade e as consequentes intercorrências advindas dela.

Bom senso, controle, evitar excessos e praticar atividade física são armas efetivas que todos possuímos para vencermos essa condição.

Comments

comments