O que fazer quando os resultados estacionam?

O processo de estagnação nos resultados físicos não aparece do nada. Ele é resultado de uma rotina de exercícios e estímulos repetitivos há muito tempo, quando o organismo já se adaptou com aquela série de exercícios, repetições e carga.

Já percebeu o que acontece com seu corpo no dia seguinte ao treino quando é uma série nova, com novos exercícios e estímulos? Todo dolorido, certo? Acredite ou não, alguns resultados, como ganho de massa muscular, dependem dessa dor, ou melhor, da micro lesão causada nas fibras musculares, promovendo a hipertrofia.

Leia mais…Treinos de até 10 minutos são eficazes para quem quer emagrecer?

Um método dinâmico e eficiente para retomar os resultados é o treino com pausa ativa. Ele gera estímulos nos grupos musculares, revezando dois exercícios diferentes. Enquanto você descansa de um exercício, gera outro estímulo, seja ele cardiovascular ou de força. O interessante nesse treino é não deixar o corpo descansar, fazendo com que o metabolismo acelere e o gasto calórico seja elevado.

Além da perda de gordura, esse treino também estimula o ganho de massa muscular. É claro que, para otimizar os ganhos, a ajuda de um profissional da área da nutrição é uma dica importante.

De qualquer forma, se sua rotina de treino caiu na monotonia e você já não tem mais desafios e estímulos, invista no Treino Intervalado de Alta Intensidade, mais conhecido como HIIT. Feito de poucos minutos, ele proporciona a queima de gordura por muitas horas após o exercício.

O HIIT traz a combinação de elevar ao máximo a frequência cardíaca durante um curto espaço de tempo, mas com um pouco de descanso também. Um exemplo básico desse treino é fazer de 5 a 10 séries de:

  • 2 minutos de corda, esteira, bike ou outro exercício que eleve a sua frequência cardíaca;
  • 1 minuto na posição da prancha ou descansando;

Uma série muito simples, que pode ser feita em qualquer lugar, até mesmo em casa, e que irá trazer resultados rápidos e sustentáveis. Vamos sair da rotina e cair para dentro das suas conquistas.

Fonte: Matéria publicada pelo site vivabem.uol.com.br/movimento

Comments

comments